Por que pensar de uma forma mais sustentável?

Quando o tema é sustentabilidade, o que vem na sua cabeça? Materiais recicláveis, conscientização do uso de água, reutilização, preservação de recursos naturais? São inúmeras as maneiras de se tornar mais sustentável. Mas você sabe por que isso é tão importante?


Grande parte da população ainda não tem consciência ou senso crítico para entender os impactos ambientais que o lixo em excesso e o desmatamento, por exemplo, podem causar ao nosso planeta. O que o plástico causa quando descartado? Quais as consequências dos aterros sanitários? O quanto a indústria da carne pode ser prejudicial para o meio ambiente? Entender, refletir e mudar hábitos de vida para contribuir com o meio ambiente é algo que deve ser explicado à todos!


Mas como começar a pensar de uma maneira mais sustentável? É bem simples, e com o tempo se torna algo automático. Aqui vão alguns motivos do porquê você deve mudar seus hábitos:


O impacto ambiental do plástico

Sabe aqueles copinhos plásticos que você toma água no trabalho ou na academia? As garrafinhas que você compra em um dia quente no parque? Esse plástico, além de soltar uma substância cancerígena chamada BPA, é o material mais encontrado nos oceanos, o que causa a morte de milhões de animais todos os anos. São quase 1 milhão de garrafas PET que são consumidas por minuto no mundo!

Existem várias alternativas para nos livrarmos de vez desses descartáveis, como o copos retráteis, garrafas de vidro ou inox, talheres reutilizáveis, todas opções práticas e fáceis para o dia a dia.

 

Indústria da carne

Muita gente não sabe, mas a indústria da carne é mais prejudicial ao meio ambiente do que imaginamos. Além de ser uma das maiores responsáveis pelo aquecimento global com a geração de metano produzido pelo processo de digestão dos animais,  essa indústria também contribui para a escassez de água, a cada 1 kg de carne que consumimos, gastamos em média 15.000 litros de água, isso significa mais de 110 banhos! E esses são só alguns dos problemas que essa indústria traz. Você pode parar de comer carne imediatamente ou ir reduzindo aos poucos, o que acha que começar a fazendo a "Segunda sem Carne", por exemplo? Essa atitude fará uma grande diferença!


Reciclar e reutilizar

Já parou pra pensar na importância da reciclagem para o meio ambiente? A reciclagem consiste na transformação de materiais usados em produtos totalmente novos, que podem ser inseridos na cadeia de consumo, sem precisar extrair mais recursos naturais e causar mais desmatamentos ou impacto ambiental. São mais de 2 toneladas retiradas de lixo das praias pelo mundo inteiro, sem contar com aterros, que não dão conta de decompor todo o lixo gerado por nós. A reutilização de materiais também é um processo muito importante, pois apenas 9% dos materiais descartados são realmente reciclados. Então antes de jogar fora aquele pote de vidro, pense se ele não pode ser útil para outra coisa! Quanto à reciclagem, muitos prédios e condomínios fazem a coleta de recicláveis, e você pode contribuir também separando seu próprio lixo. Você também pode combinar de entregar para os catadores de lixo, melhorando a gestão ambiental e com responsabilidade social!


Evite o desperdício

Você sabia que o desperdício de alimentos atinge um terço de toda comida produzida no mundo? 54% dos alimentos desperdiçados ocorrem na fase inicial da produção, que são quando esses alimentos são colhidos e armazenados, enquanto os outros 46% ocorrem nas etapas de distribuição e consumo. Enquanto 870 milhões de pessoas passam fome no mundo todos os dias!

Esses resíduos e restos de alimentos são jogados em aterros, e acabam produzindo gás metano, que é cerca de 25 vezes mais prejudicial ao efeito estufa do que o gás carbônico.

Uma boa solução para evitarmos esses impactos  é adquirir composteiras, que podem transformar seu lixo doméstico em húmus, matéria orgânica essencial para a vida na Terra! Se todo o nosso lixo orgânico fosse tratado com compostagem, seria possível evitar emissão desse gás tão nocivo ao meio ambiente, e além disso, produzir cerca de 37,5 toneladas de húmus por ano! Ajudando a reduzir espaço de aterros, a poluição de solos e na atmosfera e contribuindo para lindos jardins!


O processo é longo, as mudanças são lentas, mas se a cada dia você puder informar, educar e investir seu tempo e planejamento para ações em prol do meio ambiente,  teremos uma somatória de atitudes positivas, que atingem resultados grandiosos ao nosso planeta!